Suposto comprador aplica fraude nos portais Mercado Livre e BomNegócio

Olá pessoas,

Venho por meio desta notificar uma fraude em que quase caí (mais uma), desta vez tentando vender meu notebook no Mercado Livre.

O golpista chamado, na maioria das vezes como “Gabriel Lucas” ou “Alessandro Balen” pede para fechar negócio nos sites via e-mail normalmente usando os e-mails “jonas5776@airpost.net” ou “glucas847@gmail.com”.

No meu caso, ele disse estar nos EUA e pediu para se comunicar em inglês, mas existem relatos de outras pessoas onde o golpista usou tradutores para se comunicar, denunciando o português falho.

Durante as negociações ele sempre diz precisar enviar o produto para a mãe (filha, irmão ou algum parente) e após solucionar algumas dúvidas e fechar negócio, envia um e-mail falso tentando imitar portais de pagamento como PagSeguro, Paypal ou o próprio MercadoPago. Nesta mensagem o nome do destinatário pode variar mas o endereço é sempre o mesmo:

Nome: Adewole Tolu
Endereço:Sabo motor park
Código Postal: 210271
Cidade: Ogbomosho
Estado: Oyo
País: Nigéria

Desconfiei da procedência desta negociação e resolvi pesquisar o endereço, onde encontrei várias referências para a fraude, inclusive um post bem bacana do colega  do blog “Pausa Dramática“; Você pode encontrar o post clicando aqui.

Também encaminhei este relato para o canal de denúncia da Policia Federal e se você quase caiu ou caiu neste golpe, informe-os imediatamente pelo e-mail: crime.internet@dpf.gov.br

Abraço a todos! ;)

Web API (Parte 1)

Web API é uma solução relativamente nova do MVC 4 que facilita a vida quando precisamos criar Web Services. Se você adora Rest vai adorar as Web APIs

Se você não sabe o que são web services clique aqui. Se não souber o que são serviços REST e não faz ideia de como eram desenvolvidos recomendo que veja os posts do Elemar Jr. clicando aqui.

Pra que e Por que?

  1. Caso você queira consumir dados via aplicações móveis ou até mesmo aquela sua aplicação para Windows 8 que você está morrendo de vontade de começar a desenvolver;
  2. Caso pretende fornecer algum suporte de APIs para outros desenvolvedores, clientes ou seja lá quem consumirem;
  3. Caso você queira começar a utilizar arquitetura escalável onde você pode criar seus recursos e futuramente consumi los sabe lá Deus por qualquer outra aplicação você precisará trabalhar com Web Services.

O que você precisa

Você precisa de um pacote bem bacana chamado VS11AzurePack que você encontra lá no Web Plataform Installer clicando aqui.

Prontos? Vamos lá… isso não vai demorar nada.

Crie uma nova Solution chamada “ContosoDiscos” utilizando Net Framework 4.5:

Abra seu Visual Studio 2012 Express for Web e inicie um novo projeto chamado ContosoDiscos_API:

Selecione o template Web API e clique em OK.

Criando a Model

Se você já esta habituado ao desenvolvimento de aplicações usando MVC 3 irá reparar que não há nenhuma novidade nos passos à seguir.

Clique com o botão direito sobre a pasta Models / Add / Class e desta forma vamos escrever nossa model:


namespace ContosoDiscos_API.Models
{
 public class Disco
 {
 public int Id { get; set; }
 public string Titulo { get; set; }
 public string Artista { get; set; }
 public double Valor { get; set; }
 }
}

Agora que temos uma model definindo a nossa entidade Discos vamos construir nosso Controller.


using ContosoDiscos_API.Models;

public class DiscosController : ApiController
 {
 /// <summary>
 /// Para fins de teste podemos trabalhar somente com um vetor contendo alguns discos
 /// </summary>
 Disco[] discos = new Disco[]
 {
 new Disco { Id = 1, Titulo = "Ride the Lightning", Artista = "Metallica", Valor = 50 },
 new Disco { Id = 2, Titulo = "Kill´Em All", Artista = "Metallica", Valor = 50 },
 new Disco { Id = 3, Titulo = "St. Anger", Artista = "Metallica", Valor = 39 }
 };

public IEnumerable<Disco> BuscaTodosDiscos()
 {
 return discos;
 }

public Disco BuscaDisco(int id)
 {
 var disco = discos.FirstOrDefault((p) => p.Id == id);
 if (disco == null)
 {
 throw new HttpResponseException(HttpStatusCode.NotFound);
 }
 return disco;
 }

public IEnumerable<Disco> BuscaDiscoArtista(string artista)
 {
 return discos.Where((p) => string.Equals(p.Artista, artista, StringComparison.OrdinalIgnoreCase));
 }
 }

O Controller é responsável pela nossa lógica de negócio e nesse caso o método assume automáticamente uma URI por onde receberá os dados de nossos discos no formato JSON.

No próximo post vamos gerar as Views onde as informações erão consumidas e exibidas para o usuário. Já que as informações serão passadas via JSON por que não consumir essas informações em uma aplicação windows forms?!

Até a próxima ;)

Brasil Game Show 2012: O Brasil mostra sua cara e todo mundo adora o Brasil!

Olá amigos e visitantes e robôs de busca do Google, Bing, Yahoo, Technorati!

Hoje separei um tempo para remover as “teias-de-aranha” desse blog e compartilhar minhas experiências no maior evento de Games da America Latina o BGS2012 e posso dizer de ante mão que houveram experiências espetaculares e uma troca de conhecimento muito forte entre outros desenvolvedores e gamers. Mas vamos por partes:

Sexta-feira 12 de outubro por volta das 9h. Isso mesmo; eu não me planejei direito! =(

Feiras de games me impressionam por vários motivos um deles é quantidade de pessoas que é possível juntar em um lugar só. Descobri depois de evento que eu tinha um “cheat” chamado credencial e poderia ter usado o mesmo para pular a parte da fila e ainda garantir presença no dia 11 o qual era destinado a imprensa e participantes VIP. E não precisa comentar, eu já me encarreguei de sentar, chorar e me auto-flagelar por uns 20 minutos assim que cheguei do evento.

Por outro lado, se eu não tivesse feito essa besteira optado por pegar a fila do dia 12 eu não poderia comentar o quão absurdo era o número de pessoas em volta do Expo Center Norte. ;)  Sim, meus amigos a fila passou da rua do Expo e virou a esquina e isso porque existiam duas filas para o credenciamento! Isso aconteceu porque os portões só abriram por volta das 11h e parte boa é o pessoal que estava na fila estava super paciente (afinal valia muito a pena!) e a entrada e credenciamento foram super tranquilos.

Agora vamos a parte boa!

Não tenho muita experiência em feiras de games e quando passei pelo credenciamento fiquei exatos 1 minuto e meio paralisado olhando os estandes a minha volta. Foi mágico ver logotipos e telões de produtoras / publishers como “Capcom”, “Konami”, “Square-enix” entre outras. É muito importante parabenizar e agradecer muito aos organizadores do eventos, e as pessoas que trouxeram esse monte de gente e essa infra estrutura toda para aquele lugar.

O Brasil mostra sua cara e faz muito bonito junto as gigantes internacionais

Outro fato que me impressionou bastante foi a quantidade de empresas desenvolvedoras de games Brasileiras que marcaram presença no evento. Você que achava que não existia desenvolvimento de games de qualidade no Brasil felizmente quebrou a cara pois essas empresas e esses desenvolvedores estavam lá mostrando seu trabalho e mostrando o quanto amam o que fazem independente de nosso mercado ser líder no seguimento ou não.

Conversei durante bastante tempo com o Hugo Rocha da Atlas Game Tech empresa engajada no desenvolvimento de Games Indie (Jogos independentes, ou seja, sem auxilío de uma publisher ou patrocínio de terceiros) que provou pra mim por A + B que é possível desenvolver games no Brasil e viver deles e que talvez esse mercado pareça ser bem menor do que realmente é pois existe um certo medo excessivo da parte de novos desenvolvedores de software e até investidores quanto a investir seu tempo e dinheiro para realizarem o que mais gostam.

Mais uma vez meus parabéns e agradecimentos a Atlas Game Tech, Hoplon, Insane Media, Nano Studio, ao pessoal do Baixaki Jogos entre outras empresas brasileiras que mandaram super bem!

Então desde já #ficaDica: È possível, inclusive necessário, que desenvolvedores e investidores quem apreciam o mercado de games percam o medo e mergulhem no mercado brasileiro de games.

Quanto aos lançamentos e estandes

Fiquei bem impressionado com o estande da Square-Enix e seus lançamentos Hitman Absolution e Tomb Raider, da Ubisoft com a presença de  com certeza serão verdadeiros blockbusters!

Também gostei bastante da continuação da franquia God of War; o game continua com um poder de imersão absurdo e com ótimas animações. Deu até vontade de jogar a demo o dia todo repetidas vezes.

Conclusão

O evento foi sensacional e me animou demais com relação ao  mercado de games brasileiro. Nos próximos posts mostrei algumas coisas que estou aprendendo a desenvolver com a Unity, uma engine extremamente amigável que o colega Hugo Rocha da Atlas Tech indicou a todos que querem iniciar uma experiência no desenvolvimento de games.

Abraço a todos! :P

Mundanças no blog

Acredito que ninguém percebeu mas eu removi os posts antigos e migrei o blog para a hospedagem do WordPress.. Agora pretendo focar em posts rápidos com exemplos das coisas que uso em meu dia-a-dia ou tecnologias que estou estudando. Esse blog funcionará como um grande laboratório onde “espalharei código” a fim de guardá-lo em algum lugar. Se alguém se interessar ficarei feliz em compartilhar e ajudar.

[]s